33 C
Porto Velho
terça-feira, agosto 11, 2020

QUEM É O COOPERADOR DE DEUS?

E nós, na qualidade de cooperadores com ele, também vos exortamos a que não recebais em vão a graça de Deus. 2ª. Coríntios 6:1

- Advertisement -
- Advertisement -

As cartas de 1º. e 2º.aos Coríntios são textos nos quais todos os ministros do Evangelho – e não apenas eles, mas todos os cristãos – podem encontrar encorajamento e perspectiva em meio às dificuldades advindas das críticas, da inadequação e da insuficiência.

Paulo afirma diretamente a insuficiência de qualquer ministro da nova aliança, mas os cristãos podem se regozijar, porque a suficiência vem de Deus em todas as áreas da vida.

Agostinho, no Concílio de Cartago (417 à 418 d.C.), combatendo a salvação do homem pelo próprio homem, afirma: “Nós somos movidos pela graça de Deus, por meio de Cristo, não somente a conhecer o bem, mas a fazê-lo, em cada ato simples, de tal maneira que, sem a graça, somos incapazes de ter, pensar, dizer ou fazer qualquer coisa que diga respeito á piedade”.

Piedade é um fruto da graça de Deus em nós.

Se o homem tem qualquer capacidade proveniente de si mesmo para servir a Deus, já não obtém a salvação inteiramente pela graça de Cristo, mas a atribui em parte, a si próprio, promovendo uma “autossalvação”.

A obra maravilhosa da graça de Deus, ressuscitadora dos mortos, a qual os reformadores tão apaixonadamente proclamaram, está posta completamente à disposição do homem escravizado pelo pecado, e esse homem é capaz de realizar coisas boas, quando a elas é levado pela graça que o fez nascer de novo.

A Bíblia afirma que Deus atrai e chama os pecadores a si mesmo. Uma dessas descrições encontramos no primeiro capítulo de 1 Coríntios quando usa a expressão “os que foram chamados” ou “os chamados”, isto é, aqueles que foram chamados ou convocados por Deus para a graça e vida encontradas apenas por meio de Jesus Cristo.

Usando o mesmo termo, Paulo nos assegura: Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito. Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos. E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou.Romanos 8:28 a 30

Quem é, então, um cooperador de Deus? Certamente não é alguém que deseja trabalhar para Deus, alguém que vê uma necessidade e deseja atendê-la antes, é aquele que faz o que Deus lhe designou em Seu eterno propósito, e faz apenas isso.

Se, por revelação, enxergarmos realmente aquilo para o que fomos conquistados por Cristo Jesus, todos os nossos esforços, todas as nossas obras serão esmagados e feitos em pedaços, ou seja, seremos esvaziados, e Cristo vem viver a Sua vida em nós.

O objetivo de Deus em tudo é revelar Seu Filho, manifestar Seu Filho, mostrar a suprema riqueza da Sua Graça, em bondade para conosco, em Cristo Jesus. No livro aos Efésios, vemos bem claro esse objetivo: Assim como nos escolheu, nele, antes da fundação do mundo, para sermos santos e irrepreensíveis perante ele; e em amor. Efésio 1:4.

Para mostrar, nos séculos vindouros, a suprema riqueza da sua graça, em bondade para conosco, em Cristo Jesus. Efésio 2:7. Em quem e por meio de quem, meus irmãos? Em Cristo Jesus.

Qual é o propósito que você tem na “obra” que está fazendo agora? Se for menos que revelar Cristo, manifestar Cristo, mostrar a suprema graça da pessoa de Cristo Jesus, então você não é um cooperador de Deus. Sinto muito.

A grande questão é se tudo o que você realiza é bom, isto é, bom aos olhos de Deus, aceitável a Ele ou procedente Dele, e é alinhado com Seu eterno propósito, então você é um cooperador de Deus, um membro da igreja, família de Deus.

O povo de Deus se reúne pela primeira vez em Gênesis 4:26 em família, depois de forma mais direta, nos lares dos patriarcas. A partir desse pequeno princípio, esse povo cresce e se transforma numa nação de doze tribos e famílias de incontáveis membros, persistindo durante muitas gerações até a vinda de Cristo.

Sob a influência do Evangelho, suas fronteiras são ampliadas “até aos confins da terra”, conforme (Atos 1:8), de modo que se transforma em companhia dos remidos para Deus, pelo sangue de Cristo, “de toda tribo, língua, povo e nação” (Ap 5:9). O templo terreno, por exemplo, feito por mãos humanas, foi substituído por uma “casa espiritual”, constituída de “pedras vivas”.

Sob a lei, o povo tinha um sacerdócio; sob o Evangelho, todo o nascido do alto é um “sacerdócio real”. Sob a lei, o povo oferecia sacrifícios de animais a Deus; sob o Evangelho, esses sacrifícios físicos foram substituídos por “sacrifícios espirituais agradáveis a Deus por intermédio de Jesus Cristo”.

O Apóstolo Pedro em suas epístolas demonstra a fortaleza do eterno decreto de Deus que predestina e elege seus membros para a vida eterna e para a glória de Cristo, uma referência à adoção de seus membros como filhos e filhas de Deus em consequência de sua eleição eterna em Cristo, que é a “pedra angular principal” da igreja como templo verdadeiro de Deus.(1º. Pedro 2:7).

Do mesmo modo, Paulo garante em suas cartas que os cristãos de origem gentílica, nascidos de novo, têm sua inclusão plena na “santa nação” e no “povo de propriedade exclusiva” (conforme Efésios 2 de 11 – 22).

As únicas diferenças são as substituições das coisas inferiores, físicas, terrenas e temporais por coisas espirituais, celestiais e eternas e a extensão dos direitos e dos privilégios de poucos a muitos (conforme 1 Pedro capítulo 2).

Compreendido isso, aí vem a nossa vida de sacerdócio, chamado e capacitado por Deus, e movido pelo Espírito Santo, manifestando a vida de Cristo. Tendo, pois, irmãos, intrepidez para entrar no Santo dos Santos, pelo sangue de Jesus, pelo novo e vivo caminho que ele nos consagrou pelo véu, isto é, pela sua carne, e tendo grande sacerdote sobre a casa de Deus, aproximemo-nos, com sincero coração, em plena certeza de fé, tendo o coração purificado de má consciência e lavado o corpo com água pura. Guardemos firme a confissão da esperança, sem vacilar, pois quem fez a promessa é fiel. Consideremo-nos também uns aos outros, para nos estimularmos ao amor e às boas obras. Hebreus 10: 19 a 24.

Deus é suficiente o bastante para satisfazer, por meio dos mananciais da salvação, a sede de nossa própria alma, de nossa família e também de outros na igreja local.

O Cabeça da igreja exclamou às multidões sedentas no dia do banquete: No último dia, o grande dia da festa, levantou-se Jesus e exclamou: Se alguém tem sede, venha a mim e beba. Quem crer em mim, como diz a Escritura, do seu interior fluirão rios de água viva. João 7:37, 38.

No verso 39, Isto ele disse com respeito ao Espírito que haviam de receber os que nele cressem; pois o Espírito até aquele momento não fora dado, porque Jesus não havia sido ainda glorificado. Jesus estava se referindo ao Espírito Santo, que ainda seria dado em sua plenitude no Pentecoste. Nosso Senhor estava dando uma ilustração mental da vida expansiva que o Espírito Santo iria criar dentro de cada coração regenerado. Ele não estava prometendo uma gota, copo ou balde de água viva do Espírito. Ele prometeu um rio! Certamente um coração tão extenso tem uma inundação para todos.

Mais tarde, em João 10:10b, quando comparava o ministério – como o Bom Pastor de suas ovelhas – com o ministério dos mercenários, fariseus e saduceus, nosso Senhor disse; “Eu vim para que tenham vida e tenham em abundância”. A palavra abundância significa “mais que o necessário”. Significa que você tem mais do que precisa.

Homens e mulheres que foram nascidos do alto têm a capacidade de olhar além de si próprios e dar-se aos outros. Homens e mulheres que nasceram de novo, instruídos para serem bíblicos, canalizam suas vidas abundantes no leito designado pela Palavra de Deus.

A regeneração produz vida e energia para sermos cooperadores na obra de Deus. A Bíblia provê as diretrizes para aquilo que a pessoa regenerada deve ser e fazer. Homens e mulheres salvos, transformados em sacerdotes, e instruídos pela Palavra, são uma poderosa fonte para o bem em sua casa, igreja local e comunidade. O cooperador de Deus é membro da igreja resgatada por Cristo Jesus.

Eu e você somente seremos cooperadores de Deus, quando a morte na Cruz e a ressurreição em Cristo for uma realidade em nossa vida.

A morte de Cruz e a ressurreição em Cristo, revoga o que era mal. Tendo sido sepultados, juntamente com ele, no batismo, no qual igualmente fostes ressuscitados mediante a fé no poder de Deus que o ressuscitou dentre os mortos. E a vós outros, que estáveis mortos pelas vossas transgressões e pela incircuncisão da vossa carne, vos deu vida juntamente com ele, perdoando todos os nossos delitos; tendo cancelado o escrito de dívida, que era contra nós e que constava de ordenanças, o qual nos era prejudicial, removeu-o inteiramente, encravando-o na cruz. Colossenses 2: 12–14. O mais gracioso é que Jesus incluiu-nos em Seu corpo nesta Cruz, pela fé. Você crê nisso?

Aquilo em nós que é a vida de Cristo, é o que Deus eternamente reconhecerá e é com isso que Ele contará aqui na terra para o trabalho. Somente esse novo homem, morto e ressurreto, que tem a vida de Cristo manifesta, pode trabalhar junto com Deus, ser um cooperador de Deus. Amém!

Ildo Ioris

- Advertisement -

Últimas Notícias

Infectologista: tomar mais de uma vacina não significa maior proteção

Governo de São Paulo inicia testes com vacina contra o novo coronavírus. Três vacinas estão com testes em...
- Advertisement -

Governo de Rondônia realiza 1º leilão virtual de veículos no próximo dia 25

No próximo dia 25, às 9h, o governo de Rondônia através da Sepat, promoverá o I Leilão Virtual de Bens Móveis...

Incêndio destrói casa e carro na zona sul, de Porto Velho (veja o vídeo)

Ainda não se sabe como o incêndio começou Um incêndio de grande proporção aconteceu na noite desta segunda-feira,...

Justiça autoriza saída de Michel Temer do Brasil

A Justiça Federal autorizou a saída do país do ex-presidente da República Michel Temer. Ele foi nomeado pela Presidência da República...

Related news

Infectologista: tomar mais de uma vacina não significa maior proteção

Governo de São Paulo inicia testes com vacina contra o novo coronavírus. Três vacinas estão com testes em...

Governo de Rondônia realiza 1º leilão virtual de veículos no próximo dia 25

No próximo dia 25, às 9h, o governo de Rondônia através da Sepat, promoverá o I Leilão Virtual de Bens Móveis...

Incêndio destrói casa e carro na zona sul, de Porto Velho (veja o vídeo)

Ainda não se sabe como o incêndio começou Um incêndio de grande proporção aconteceu na noite desta segunda-feira,...

Justiça autoriza saída de Michel Temer do Brasil

A Justiça Federal autorizou a saída do país do ex-presidente da República Michel Temer. Ele foi nomeado pela Presidência da República...
- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Open chat
Precisa de Ajuda ?
Podemos ajudar?
%d blogueiros gostam disto: