Polícia realiza ação para apurar denúncias de aglomerações em Balneário de Porto Velho

Operação deve passar a ser realizada todos os finais de semana em diversos pontos da capital, segundo a polícia.

0
51
Embarcações foram fiscalizadas durante a operação — Foto: PM/Divulgação
Embarcações foram fiscalizadas durante a operação — Foto: PM

A Polícia Militar (PM) realizou neste último final de semana, uma operação para impedir aglomerações em um balneário de Porto Velho. Além de possíveis crimes ambientais e de trânsito. A aglomeração de pessoas está proibida por decreto estadual devido a pandemia do novo coronavírus.

De acordo com informações da PM, a operação aconteceu na Vila Calderita, localizada a cerca de 45 quilômetros da capital, na margem do rio Jamari.

O local costuma ser procurado por banhistas, principalmente aos finais de semana, durante os meses de clima quente e seco. Nas últimas semanas, diversas denúncias foram feitas de aglomerações, festas e consumo de bebidas alcoólicas em excesso na vila.

Durante a operação foram abordados 27 automóveis, 11 bicicletas e 12 embarcações. Um bloqueio foi montado na estrada para verificar a condição dos condutores e documentação, além da realização de teste do bafômetro e a presença de um guincho.

Participaram agentes de batalhões da Polícia Ambiental, Polícia de Trânsito, Bope, Batalhão de Choque e Marinha.

De acordo com a polícia, todos os finais de semana ações como essa serão realizadas em locais que possam estar ocorrendo infrações ambientais, de trânsito e ao decreto de calamidade pública.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui