Obra da ponte que liga Rondônia ao Acre avança e recebe vistoria do ministro de Infraestrutura

A expectativa é que a ponte fique pronta em dezembro, e com a presença confirmada do presidente Jair Bolsonaro.

0
130
Ministro percorreu a obra da ponte ao lado dos governadores de Rondônia e do Acre

A obra da ponte sobre o rio Madeira, no distrito de Abunã, em Porto Velho, que liga Rondônia ao Acre foi classificada como prioritária pelo Governo Federal, avança para reta final e passou por vistoria nesta sexta-feira (2) pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

Acompanhado do governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha, do governador do Acre, Gladson Cameli, e de parlamentares da bancada federal, o ministro percorreu a ponte de uma ponta a outra conferindo os avanços na estrutura. A ponte terá no total 1,9 quilômetros de extensão.

“O presidente Bolsonaro tornou essa obra prioridade nacional e está prosseguindo, graças ao empenho de todos, é um esforço coletivo”, disse o ministro destacando os esforços do executivo federal, juntamente com o governo dos dois estados e a bancada federal.

A ponte gerará impactos sociais e econômicos positivos.”É muito importante para a população de Rondônia e do Acre, que há anos estava refém da travessia por balsas, e o que está acontecendo aqui é que estamos trazendo dignidade, resgatando o direito de ir e vir das pessoas”, considerou o ministro.

Ele ainda destacou como está o andamento da obra e anunciou a expectativa de que em dezembro, o presidente Jair Bolsonaro vai inaugurar a ponte.

“O aterro do lado de Rondônia está sendo feito, e já está chegando na base de brita. Estamos fazendo também a concretagem de uma galeria, e tão logo ela fique pronta a gente vai fazer a complementação do aterro. E então vamos fazer o asfalto de acesso a ponte”, explicou o ministro.

O governador Marcos Rocha ressaltou a importância da obra como impulsionadora do desenvolvimento.

“Nós que pensamos no fortalecimento da economia sabemos que é através dessas ações que vamos conquistar melhorias para a nossa população. Agradeço ao presidente Bolsonaro e o ministro Tarcísio. Que o nosso Brasil seja cada vez melhor e que Deus nos abençoe”.

Marcos Rocha destacou ainda que apesar da travessia ser feita inteiramente dentro do Estado de Rondônia, ela é importante também para os estados do Acre, Amazonas, e Roraima, sendo um avanço para a integração do Norte com o restante do país.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui