Hildon Chaves visita Fiocruz do RJ para acompanhar cronograma de vacinação contra covid

Na próxima segunda, prefeito se reuni em São Paulo para detalhar aquisição das 80 mil doses da vacina coronavac.

0
58

O prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves, se reuniu na sexta-feira (11), com a presidente da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Nísia Trindade Lima, no Rio de Janeiro, para acompanhar de perto os cronogramas do programa de vacinação que serão implantados pelo Governo Federal. A deputada federal Mariana Carvalho esteve junto.

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) está produzindo em conjunto com a Universidade de Oxford, na Inglaterra, e a farmacêutica AstraZeneca, a vacina contra o novo Coronavírus que será adquirida pelo Governo Federal para distribuição em todo o país. Na ocasião foi apresentado o planejamento da instituição, que vai produzir 30 milhões de doses até março e ainda 15 milhões mensais até julho para assim alcançar um total de 100 milhões de doses.

“É um processo que está em andamento e que vai ser muito importante para o país. Trata-se do final de um projeto consistente e por isso solicitamos essa reunião, para tomarmos conhecimento de que pé está”, justificou Hildon.

Na próxima segunda-feira (14), o Hildon estará reunido com o presidente do Instituto Butantan, Dimas Tadeu Covas, o governador do Estado de São Paulo, João Dória e o secretário de Saúde do Estado de São Paulo, Jean Gorinchteyn.

“Queremos antecipar o início do cronograma para que assim que a vacina for aprovada e registrada junto à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), possamos imunizar o grupo de risco, fortalecendo principalmente a retaguarda dos profissionais de saúde e consequentemente melhorando o fluxo de atendimento enquanto as demais doses necessárias chegam”, detalhou Hildon que não descarta a possibilidade de compra de mais doses.

A reunião vai tratar do processo de aquisição de 80 mil doses da vacina anunciados esta semana pelo prefeito, Hildon Chaves, para o município de Porto Velho. As doses do imunizante em produção da CoronaVac, vacina contra o novo coronavírus (covid-19), ainda em fase de testes, produzida pelo instituto em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac, serão compradas com recursos próprios do município e emenda parlamentar da deputada federal, Mariana Carvalho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui