Estado assina convênio com Hospital de Amor para garantir mais leitos de UTI’s em RO

O Hospital irá disponibilizar 12 leitos de UTI's.

0
20

O governo de Rondônia assinou um convênio no valor de R$ 3 milhões com o Hospital de Amor da Amazônia, localizado em Porto Velho. O contrato terá duração de três meses e foi feito para que o estado consiga ampliar o número de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) na nova crise provocada pela Covid-19.

Segundo acordo firmado, o Hospital de Amor vai ofertar 12 leitos de UTI’s, incluindo estrutura completa e equipe multiprofissional para tratamento de pacientes do coronavírus.

Além do convênio com o hospital de câncer, o governo do estado diz estar convocando representantes de hospitais da rede privada para que possam participar de um chamamento público para credenciamento de leitos clínicos adultos e leitos de UTI adulto.

Desde a última semana o estado tem enfrentado uma lotação dos leitos de UTI’s na rede pública de saúde. Por causa da ocupação máxima, uma fila de espera se formou, inclusive para leitos clínicos.

Na segunda-feira (25), Rondônia começou a transferir pacientes para outros estados; 13 infectados pela Covid-19 foram levados para Curitiba e outros nove foram transferidos para Porto Alegre.

Em maio do ano passado, o poder executivo também havia feito contrato com o Hospital de Amor para utilizar os leitos clínicos e de UTI. À época, o convênio foi de R$ 2 milhões, pagos com recursos da Assembleia Legislativa de Rondônia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui