PF faz operação para prender suspeito de desmatar e vender Terra Indígena em RO

Operação Kawyra foi deflagrada nesta quarta-feira (2). Crimes ocorriam dentro da Terra Indígena (TI) Karipuna, distrito de União Bandeirantes, em Porto Velho.

0
27

A Polícia Federal (PF) realiza uma operação, nesta quarta-feira (2), para prender um suspeito de desmatar, queimar, lotear e vender glebas ilegalmente dentro da Terra Indígena (TI) Karipuna, distrito de União Bandeirantes, em Porto Velho.

A operação, chamada de Kawyara, visa cumprir um mandado de busca e apreensão e um de prisão preventiva, ambos expedidos 3ª Vara da Justiça Federal.

Segundo a PF, o alvo do mandado de busca de prisão é um dos principais suspeitos de invadir a TI Karipuna. O nome do suspeito não foi divulgado.

O nome da operação, Kawyra, tem origem na língua indígena Karipuna e significa “floresta”. O alvo da operação nesta quarta-feira, caso seja localizado, será ouvido na sede da PF e depois levado ao sistema prisional estadual da capital.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui